sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

É Natal...

As luzes se acendem, as pessoas se abraçam, algumas se alegram, outras se entristecem, outras confraternizam para esquecer ou relembrar o que se passou... E vem ano novo, tudo de novo...
Este ano foi realmente especial para mim, diferente de todos os outros (mas todos são diferentes, então este foi diferente de uma forma diferente).

Muitas coisas se passaram...
Aprendi a celebrar a diversidade; aprendi a importância da vida; aprendi que a vida é agora!
Mudei de idéia (muitas vezes), fiz escolhas, chorei, sorri, briguei, pacifiquei, ralei bastante, conquistei, perdi... Tudo como em todos os outros anos.
Mas então por que tudo foi assim tão diferente?
Não sei ao certo, mas talvez porque nada passou. Mudanças que ficaram gravadas no coração.
Perdi muito, perdi amigos, me afastei, esqueci, fui esquecido e ainda perdi (de certa forma) um pedaço de mim, uma pessoa que estava sempre ao meu lado pra meu ouvir e me dar força.
Mas em compensação ganhei muito; ganhei amigos impagáveis, conheci pessoas interessantes, convivi com pessoas fantásticas, ganhei o apoio de uma grande (imensa) família que vive comigo o sonho (ou a realidade) de levar à outras pessoas o amor de uma forma pura e sincera, de levar Deus aos corações através da música, da palavra, das ações... e ainda neste caminho recebi um presente maravilhoso de Deus, um presente inesperado, mas que em tão pouco tempo já me mostrou coisas que uma vida inteira não poderia me mostrar.

Bá, obrigado por tudo, desejo do fundo do meu coração que este seja um ano maravilhoso e cheio de conquistas para você e a família; e se Deus permitir estarei ao teu lado para te apoiar em tudo o que precisar. Eu tenho certeza de que você conhece meu coração, e sabe tudo o que te diria agora ("Obrigado por estar aqui" s2).
Kátia, Jairo, Pedro, Toninho, Cida, Edu, Bia.... Todos vocês que agora são também minha família (mas na verdade sempre foram), obrigado pela confiança que depositaram em mim, obrigado por me receber e me acolher como uma família, obrigado pelo apoio que vocês nos dão. Espero aprender muito com vocês daqui pra frente.

Conheci também a família @amigosdovia33 (tamo junto), que de perto ou de longe está sempre presente, e que agora faz mais que parte da minha vida.

Enfim... O mais importante de tudo, e que talvez tenha aprendido da forma mais natural (errando e corrigindo) é que a vida não é feita para ser vivida de momentos, de celebrações e de memórias. A vida é feita para ser vivida por inteiro, para ser vivida no ontem, no hoje e no amanhã, pois nada é passageiro e nada é por acaso.

Desejo a todos vocês, que chegaram até aqui (que estiveram ao meu lado de alguma forma), amigos de perto, de longe, família, conhecidos e até mesmo desconhecidos, que este seja um natal não apenas de abraços e desejos que se vão, mas que seja um natal verdadeiro, de coração. Que não seja um natal de embrulhos e presentes, mas que seja um natal de entrega e de renovação, e que nenhuma palavra seja jogada ao vento.

Independente de sua crença ou de onde está, prepare o seu coração para a chegada do Menino Jesus, do Homem Jesus, e deixe que a vida seja vivida (Carpe Diem!).

Desejo a todos um ótimo natal e um ano novo maravilhoso.

A canção neste vídeo, apesar de antiga, ilustra exatamente o meu desejo a todos... Que as palavras não sejam vazias, que não sejamos cegos por não querer enxergar...


video

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Dentro de mim...

Não sei que me faz ser assim
Tão intruso dentro de mim
Que me perco pensando se um dia
Sou realidade ou fantasia

Não sei que te faz ser assim
Que te completas dentro de mim
Me traz a rima e a melodia
Me faz música e poesia

Mas todo poeta enlouquece
Perde o tom
Procura a prece

Se encontra no som
E se enaltece
...

domingo, 19 de setembro de 2010

Amanhecer


É como quando em um olhar
Encontro com o sorriso teu
Que da tua boca vem repousar
Nos olhos que são meus

Simples, singelo, sutil
Como quem não se faz perceber
Me tira da vida hostil
Transforma todo o meu viver

É a mão que vou segurar
E o coração de novo a bater
E em teus braços repousar

E a cada passo te buscar
A cada dia te querer
Em cada gesto te amar

domingo, 7 de março de 2010

T.I. Verde


Sustentabilidade, esta é a palavra quando se trata da combinação negócio + lucro + meio-ambiente. E é exatamente dentro deste contexto que surge a T.I. Verde.


"As práticas da TI verde buscam reduzir o desperdício e aumentar a eficiência de todos os processos e fenômenos relacionados à operação desses computadores no meio do caminho." (fonte: http://br.hsmglobal.com/notas/53556-o-que-e-ti-verde)


Mas não se trata apenas disto. Quando tratamos de T.I. Verde - ou quando as empresas tratam de T.I. Verde - estamos tratando de um novo caminho para a conscientização. Se o assunto da moda são os fenômenos naturais decorrentes da destruição que os seres-humanos vêm causando ao planeta nestes últimos anos, por que não associarmos a modernidade, a tecnologia e o meio-ambiente?
O que buscamos com as práticas que T.I. Verde é exatamente conscientizar as pessoas de que é possível (e necessário) cuidar mais de nosso planeta. Todos somos responsáveis por isso, e, mais do que uma frase de efeito para causar impacto, isto reflete uma realidade a qual não sabemos vivenciar.

Agora cabe às empresas, aos funcionários e todos aqueles que estão ligados a área de técnologia adotarem tais práticas, e se conscientizarem de que sempre é necessário rever conceitos, realizar mudanças e cuidar do ambiente em que se vive - e isto não vale apenas para cuidarmos do planeta, mas também de nossas vidas.
São das pequenas atitudes que surgem as ações mais nobres.

sábado, 13 de fevereiro de 2010

Creative Commons


Depois de algum tempo sem postar estou de volta, e vou postar uma matéria referente ao Creative Commons, que também estará no meu site pessoal, que vai entrar no ar em poucos dias. Quando publicá-lo passo o endereço por aqui.

Uma solução para o problema

Antes da popularização da internet de forma mundial, os direitos autorais sobre as obras produzidas não era um assunto assim tão visado. Hoje em dia, uma das principais discussões sobre este livre acesso que a internet proporciona é o crime sobre o direito autoral. A pirataria se tornou mais fácil com a ascenção da internet; livros, filmes, imagens, artigos e principalmente as músicas estão soltas pela rede, à disposição de qualquer um que tenha um pouco mais de paciência para buscar por estes arquivos. Por outro lado, surgiram muitos autores que gostaram da idéia de divulgar o material proveniente de sua criatividade de maneira livre para quem quiser baixar. O problema é como identificar qual material está protegido pelas leis de direito autoral e qual pode ser utilizado e publicado livremente.
Foi com esta finalidade que o Creative Commons surgiu oficialmente em 2001 como uma entidade sem fins lucrativos. Hoje ela já se encontra na versão 3.0 e engloba mais de 130 milhões de licenças.

A licença Creative Commons, fundamentada nos termos de lincenças copyleft, permite aos usuários compartilharem e recombinarem materiais culturais (que estão registrados sobre esta mesma licença) livremente, contando que seja citada a fonte intelectual da qual o material foi produzido, e que todas as alterações geradas neste material também sejam divulgadas.
É muito simples atribuir a licença Creative Commons ao seu material e assegurar aos demais usuários que você é o autor de sua obra, para que ela seja distribuida pela rede, mas não pirateada.
Há quem diga que está ai um bom incentivo contra a pirataria na rede. Quanto ao lucro que o autor vai ter sobre sua obra, isto já vai depender de sua criatividade para a divulgação de seu material.

Para saber mais:


      Site oficial do projeto Creative Commons - creativecommons.org

      Portal do Creative Commons no Brazil - creativecommons.org.br